Museu e jardins do Solar do Barão serão reabertos na quarta-feira (31)

A reabertura dos jardins do Solar do Barão, bem como do Museu Histórico e Cultural, nesta quarta-feira (31), a partir das 10h, terá a participação musical instrumental dos alunos do Projeto Guri e de alunos da Emeb Marcos Gasparian, com apresentações de cantigas de roda com temas sobre flores e jardins, bastante propício à ocasião.

Com custo zero aos cofres públicos municipais, as despesas, na ordem dos R$ 80 mil, foram arcadas por uma parceria público-privada. No lugar da deterioração dos espaços e da descaracterização dos jardins, o Museu restabelece um vínculo com os cidadãos por meio da reabertura do acesso direto do calçadão da rua Barão de Jundiaí aos jardins, há quatro anos com acesso restrito e limitado. Para a gestora de Cultura, Vasti Ferrari Marques, “já era hora de devolver o museu à sociedade para que ela, diariamente, aproveite de sua beleza para passeios, descanso no horário de almoço ou como espaço para leitura”.

LEIA TAMBÉM
Teatro Polytheama tem programação variada para o mês de junho
Oficina e mutirão de limpeza dão início à Semana do Meio Ambiente

O Museu também estreia seu foco para as exposições temáticas e de média duração com a mostra “Memórias, ofícios e saberes dos trabalhadores”, que conta com fotos, ferramentas, objetos e depoimentos da comunidade, em um verdadeiro trabalho de criação e montagem de forma coletiva com a população.

Reforma e revitalização
A revitalização do museu e áreas adjacentes contou com a inspeção dos telhados e pinturas, além do controle de umidade das paredes. Já nos jardins, de onde tiveram de ser removidas árvores com risco iminente de queda, além de fios de corrente desencapados, mato, entulhos, o evento marca o resgate de um espaço da comunidade, mas que não vinha sendo aproveitado.

Árvores frutíferas e plantas com períodos distintos de geração de flores foram estrategicamente pensadas para atrair pássaros e borboletas, além de garantir o colorido em todas as estações do ano. Outro destaque é a revitalização do jardim japonês, um presente antigo da sociedade nipo-brasileira à comunidade jundiaiense, que passa a contar com uma cascata, plantas, luminárias e uma ponte idealizada e montada por um servidor do próprio museu.

O Museu Histórico e Cultural de Jundiaí Solar do Barão fica na rua Barão de Jundiaí, 762, Centro, e seu horário de funcionamento é de terça a sexta-feira, das 10h às 17h, e aos sábados, domingos e feriados, com horário estendido, das 9h às 16h. Os telefones para contato do Solar são 4521-6259 e 4586-8414.

Assessoria de Imprensa
Fotos: Fotógrafos PMJ


Publicada em 31/05/2017 ▪ Leia mais sobre , , , , , , ,