Fachada do imóvel na Rua Barão de Jundiaí nº 736

Patrimônio Material: Fachada do imóvel situado na Rua Barão de Jundiaí nº 736
Localização: Rua Barão de Jundiaí nº 736 – Jundiaí
Tombado por: CONDEPHAAT
Número do Processo: 64142/11
Resolução de Tombamento: Resolução 43 de 04/07/2013

Parecer de tombamento

Localizado ao lado do Solar do Barão de Jundiaí, também tombado, este sobrado, que pertenceu à Família Silva Prado, é o último e único exemplar de construção do século XVIII ( 1780) em Jundiaí. Com características coloniais portuguesas, a fachada com 10 metros de frente é uma das raras edificações da época com dois pavimentos, sinalizando a pujança econômica, social e política da família proprietária.

Apesar das intervenções no pavimento térreo para adaptação aos diversos usos a que o imóvel serviu ao longo de mais de dois séculos, mantém-se a volumetria, janelas superiores, caixilhos e acabamentos, elementos que caracterizam construções do século XVIII, constituindo importante documento para a história e para a arquitetura.

Histórico

Situada na Rua Barão de Jundiaí, nº 736, e atualmente propriedade de Arthur Lundgren Tecidos S.A. (Casas Pernambucanas), a história do sobrado é difícil de ser contada devido à falta de documentação que possa certificar a cronologia do local.

Conhecida por ter pertencido à Família Prado, depois, pertenceu a João Maria de Lacerda, que contribuiu para o desenvolvimento do núcleo urbano por ter propiciado a energia elétrica, e à Cúria Metropolitana, já que as famílias tinham o costume de doar suas propriedades à Igreja. Pertenceu também ao segundo prefeito de Jundiaí, Francisco de Paula Penteado.

A casa já abrigou a farmácia São João, de João Luiz Gonzaga, e, em seguida, o consultório e a residência do Dr. Almeida, enquanto na outra porta havia a barbearia Salão Orestes. Já estiveram lá também o Bar Castelões, a pastelaria de Guido Maso, Casa das Meias, Restaurante Haiti e, mais recentemente, as Casas Pernambucanas. A fachada possui 13 metros e é vizinha ao Solar do Barão.

Trata-se de importante ícone arquitetônico, pois representa a influência portuguesa na cidade, pois boa parte da influência cultural de Jundiaí é atribuída à cultura italiana, mas outras matrizes culturais como a portuguesa, indígena e africana estão presentes na pluralidade do povo jundiaiense.

Galeria de fotos

Todas as fotos no Flickr