Premiação Enredança – Mostra Competitiva

Premiação – 3 de outubro

Coreografias apresentadas a partir das 16h

GÊNERO CLÁSSICO LIVRE
CATEGORIA INFANTIL I

1º Lugar – CONJUNTO – Não houve premiados
2º Lugar – CONJUNTO – Cia Dança Evolution- coreografia – Flores
3º Lugar – CONJUNTO – Não houve premiados

GÊNERO CLÁSSICO LIVRE
CATEGORIA INFANTIL II

1º Lugar – SOLO – Corpo de Baile Infantil Danzaria – coreografia – Le ménage
2º Lugar – SOLO – Corpo de Baile Infantil Danzaria – coreografia – Bonequinha
3º Lugar – SOLO- Anita Grossi Studio de Dança – coreografia – Pequena joia

1º Lugar – DUO – Não houve premiados
2º Lugar – DUO – Não houve premiados
3º Lugar – DUO – Anita Grossi Studio de Dança – coreografia – Encanto

1º Lugar – CONJUNTO – Cia Danser – coreografia – Donald
2º Lugar – CONJUNTO – Anita Grossi Studio de Dança – coreografia – Florir
3º Lugar – CONJUNTO – Não houve premiados

GÊNERO CLÁSSICO LIVRE
CATEGORIA JUVENIL I

1º Lugar – SOLO – Ioazinho – coreografia – La Coquette
2º Lugar – SOLO – Anita Grossi Studio de Dança – coreografia – Mensageira
3º Lugar – SOLO- Studio de Dança Pio X – coreografia – Abrindo as portas dos sonhos

1º Lugar – TRIO – Studio de Dança Pio X – coreografia – Dell’Art
2º Lugar – TRIO – Não houve premiados
3º Lugar – TRIO – Não houve premiados

1º Lugar – CONJUNTO – Studio de Dança Pio X – Em cena
2º Lugar – CONJUNTO – Não houve premiados
3º Lugar – CONJUNTO – Não houve premiados

GÊNERO CLÁSSICO DE REPERTÓRIO
CATEGORIA JUVENIL I

1º Lugar – SOLO – Não houve premiados
2º Lugar – SOLO – Não houve premiados
3º Lugar – SOLO- Grupo de Dança Clássica La Danse – variação Peasant

Indicados aos prêmios especiais:
Prêmio revelação – Letícia Spaleta
Melhor grupo – Anita Grossi Studio de Dança e Studio de Dança Pio X
Melhor coreógrafo – Silvana Franzói e Talita Raquel

Coreografias apresentadas a partir das 19h30

GÊNERO CLÁSSICO LIVRE
CATEGORIA JUVENIL II

1º Lugar – SOLO – Première Núcleo de Dança – coreografia – Ao te ver partir
2º Lugar – SOLO – Studio de Dança Pio X – coreografia – Meu céu
3º Lugar – SOLO – Não houve premiados

1º Lugar – DUO – Não houve premiados
2º Lugar – DUO – Não houve premiados
3º Lugar – DUO – Corpo de Baile Juvenil Danzaria – coreografia – Entre as pérolas

1º Lugar – TRIO – Não houve premiados
2º Lugar – TRIO – Não houve premiados
3º Lugar – TRIO – Baillare Estúdio de Dança – coreografia – Linha de Re-produção

1º Lugar – CONJUNTO – IOA Dança – coreografia – Entre eles e elos
2º Lugar – CONJUNTO – Anita Grossi Studio de Dança- coreografia – Aliança
3º Lugar – CONJUNTO – Não houve premiados

GÊNERO CLÁSSICO DE REPERTÓRIO
CATEGORIA JUVENIL II

1º Lugar – SOLO – Não houve premiados
2º Lugar – SOLO – Gisele Bellot Escola de Dança – coreografia – Bodas de Aurora Variação Feminina
3º Lugar – SOLO – Studio de Dança Pio X – coreografia – Coppelia – Swanilda e Franz

1º Lugar – CONJUNTO – Não houve premiados
2º Lugar – CONJUNTO – Não houve premiados
3º Lugar – CONJUNTO – Centro de Artes Entrelacê – coreografia – Trecho de “O quebra nozes” 1º ato

GÊNERO CLÁSSICO LIVRE
CATEGORIA ADULTO

1º Lugar – SOLO – Instituto de Orientação Artística – coreografia – Re-partir
2º Lugar – SOLO – Não houve premiados
3º Lugar – SOLO- Studio de Dança Pio X – coreografia – Eu me reflito

1º Lugar – DUO – Instituto de Orientação Artística – coreografia – Engrenagem
2º Lugar – DUO – Gisele Bellot Escola de Dança – coreografia – Quando ela voltou
3º Lugar – DUO – Não houve premiados

1º Lugar – CONJUNTO – Não houve premiados
2º Lugar – CONJUNTO – Gisele Bellot Escola de Dança – coreografia – Incorpóreo
3º Lugar – CONJUNTO – Não houve premiados

GÊNERO CLÁSSICO DE REPERTÓRIO
CATEGORIA ADULTO

1º Lugar – DUO – Não houve premiados
2º Lugar – DUO – Gisele Bellot Escola de Dança – coreografia – Grand Pas de Deux de Carnaval em Veneza
3º Lugar – DUO – Gisele Bellot Escola de Dança – coreografia – Grand Pas de Deux Coppelia

1º Lugar – CONJUNTO – Não houve premiados
2º Lugar – CONJUNTO – Gisele Bellot Escola de Dança – coreografia – Conjunto de Raimonda
3º Lugar – CONJUNTO – Não houve premiados

Indicados aos prêmios especiais:
Melhor bailarina – Letícia Galvão
Melhor grupo – IOA Dança e Gisele Bellot Escola de Dança
Melhor coreógrafo – Luana Espíndola

Jurados

Aracy de Almeida
Aracy de Almeida é hoje uma das mais respeitadas mestres da dança. Foi bailarina principal do Theatro Municipal de São Paulo, protagonizando todos os principais papéis do repertório clássico e contemporâneo, professora da Escola Municipal de Bailados de São Paulo durante 30 anos.

Hoje atua como representante do CBDD (Conselho Brasileiro da Dança), órgão vinculado a UNESCO, na Baixada Santista.
Também fundou a Especial Academia de Ballet em São Paulo e o Studio de Dança Aracy de Almeida em Praia Grande, que nesses 50 anos forma bailarinos que atuam em companhias nacionais e internacionais.

Dionée Mello
Dionée Mello é formada pela EDMO, licenciada e pós-graduada pela Faculdade da Cidade do Rio de Janeiro. Atuou como bailarina no Ballet da Cidade do Rio. Foi membro do Conselho de Cultura e Coordenadora do Ponto de Cultura da Cidade de São Vicente. Coordenadora do Projeto JEPOM (São Vicente). Assistente da Maitre Aracy de Almeida há dez anos. Atualmente dirige o Studio de Dança Aracy de Almeida.

Mariana Nogueira
Em sua formação Clássica teve como mestres Márcio Rongetti, Paula Penachio, Ricardo Scheir, Aracy de Almeida, José Ricardo Tomaselli, Eduardo Bonnis e Jorge Peña. Fez aulas no Grupo Raça centro jazz de Artes (com Roseli Rodrigues e Edy Wilson) e contemporâneo com Eduardo Menezes, Andrea Pivatto e João Pirahy. Integrou o elenco da Companhia de Ballet Clássico da Cidade de São José dos Campos e foi também integrante do Grupo Kadwah de Edy Wilson.

Ricardo Scheir
Professor, coreógrafo e diretor do Pavilhão D de São Paulo. Professor convidado do Balé da Cidade de São Paulo-SP, Cia de dança Deborah Colker-RJ, Balé Castro Alves-BA, Turinger State Ballet- Alemanha, Europa Ballet Conservatory- Austria, New Jersey Ballet-USA, entre outros. Foi Diretor da Cia de Dança de São Jose dos Campos.

Foi coordenador de ensaios e professor da Sao Paulo Cia de dança onde também coreografou. Recebeu a Medalha de Mérito Artístico, oferecida pelo Conselho Brasileiro de Dança. É vencedor de vários festivais no Brasil e exterior, como Tanzolymp-Berlim , YAGP-NY, VKIBC-NY, Festival de dança de Joinville, CBDD-RJ, entre outros. É representante sul americano do Valentina Kozlova International Ballet Competition-USA.

Premiação – 4 de outubro

Coreografias apresentadas a partir das 19h30

GÊNERO DANÇAS POPULARES
CATEGORIA JUVENIL II

1º Lugar – SOLO – Não houve premiados
2º Lugar – SOLO – Não houve premiados
3º Lugar – SOLO – Hadarah Dança do Ventre – coreografia – Flor do Líbano

GÊNERO DANÇAS POPULARES
CATEGORIA ADULTO

1º Lugar – SOLO – Não houve premiados
2º Lugar – SOLO – Cia Penã Flamenca – coreografia – La Canã
3º Lugar – SOLO – Academia Dance Company – coreografia – Dança do Ventre Clássica

1º Lugar – DUO – Cia Penã Flamenca – coreografia – Guajiras de la novia
2º Lugar – DUO – Cia Penã Flamenca – coreografia – Martinete
3º Lugar – DUO – Studio La Danse – Baile por alegrias

1º Lugar – TRIO – Não houve premiados
2º Lugar – TRIO – Cia Yamins – coreografia – Tríplice
3º Lugar – TRIO – Não houve premiados

1º Lugar – CONJUNTO – Não houve premiados
2º Lugar – CONJUNTO – Studio La Danse – coreografia – Tangos
3º Lugar – CONJUNTO – Sara Yacov Centro de Cultura Oriental – Rota Romany

GÊNERO STREET DANCE
CATEGORIA JUVENIL II

1º Lugar – SOLO – Não houve premiados
2º Lugar – SOLO – Não houve premiados
3º Lugar – SOLO- Cia Dança Evolution – coreografia – Quem

1º Lugar – CONJUNTO – Não houve premiados
2º Lugar – CONJUNTO – Não houve premiados
3º Lugar – CONJUNTO – Cia Dança Evolution – coreografia – Amor ou dinheiro

GÊNERO STREET DANCE
CATEGORIA ADULTO

1º Lugar – CONJUNTO – Cia Kahal – coreografia – Hip hop
2º Lugar – CONJUNTO – Não houve premiados
3º Lugar – CONJUNTO – Não houve premiados

GÊNERO SAPATEADO AMERICANO
CATEGORIA JUVENIL II

1º Lugar – SOLO – Não houve premiados
2º Lugar – SOLO – Não houve premiados
3º Lugar – SOLO – Márcio Marques Cia de Dança – coreografia – Força e beleza

GÊNERO SAPATEADO AMERICANO
CATEGORIA ADULTO

1º Lugar – SOLO – Márcio Marques Cia de Dança – coreografia – A escalada
2º Lugar – SOLO – Não houve premiados
3º Lugar – SOLO – Não houve premiados

1º Lugar – DUO – Não houve premiados
2º Lugar – DUO – Sabatum Cia de sapateado – coreografia – Jão e Zé
3º Lugar – DUO – Não houve premiados

1º Lugar – CONJUNTO – Sabatum Cia de sapateado – coreografia – Mulheres
2º Lugar – CONJUNTO – Sabatum Cia de sapateado – coreografia – Palco
3º Lugar – CONJUNTO – Alongue-se Academia – coreografia – Tributo

Indicados aos prêmios especiais:
Melhor bailarina – Fabiana dos Santos, Kely Cristina Ribeiro, Tayse Copelli e Camila Iara Barbosa;
Melhor bailarino – Romulo Oliveira;
Melhor coreografia – Guajiras de la novia e Hip Hop;
Melhor grupo – Penã Flamenca e Cia Kahal;
Melhor coreógrafo – Henry Camargo.

Jurados

Eliseu Correa
Professor, coreógrafo e dançarino profissional com banca no sindicato dos profissionais da dança da cidade de São Paulo. Foi coordenador e coreógrafo da Cia. de Danca Ritmos de rua e coreógrafo e dançarino da Cia. de Dança Ritmos Family da cidade de São Paulo. Especializou-se em hip hop freestyle na escola Ritmos de Rua da cidade de São Paulo e Studio Harmonic na cidade de Paris (França), estudando com diversos professores e pioneiros do street dance. Em 1996 iniciou seu trabalho como coreógrafo e foi premiado nos principais festivais pelo pais. Coreografou importantes companhias de Dança, como a Soul Brothers de Madri (Espanha) por 5 anos e outras companhias na Itália, França e Dinamarca. Foi vencedor de diversas batalhas de hip hop dance e house dance no Brasil e exterior. Atualmente é diretor Artístico da Cia. Conceito Urbano de São Paulo – SP.

Kelson Barros
É diretor executivo da Cazumbá Produções Artísticas, cursa Dança e Movimento na Universidade Anhembi Morumbi. Iniciou sua carreira em produção em 2004, na Abaçaí Cultura e Arte – Organização Social da Secretaria de Estado da Cultural, onde produziu o “Revelando São Paulo” – Capital e Regional. Produziu vários projetos e Festivais. Atualmente, é produtor do Grupo Zumb.boys (Fomento à Dança 2014 e 2016 e Proac Cultura Negra 2015), Grupo Gumboot Dance Brasil (ProAc Criação 2015) e Coletivo CO.

Nina Sato
Natural de Taubaté, iniciou seus estudos em Sapateado nas escolas Fabiana Cordeiro e Maestro Fêgo Camargo, com vivência em variados estilos de dança como Jazz Dance, Dança Contemporânea, Danças Populares, Danças Urbanas e formada em Ballet Clássico. Hoje tem como sua instrutora em Sapateado Chris Matallo. Compondo os elencos Musicais, “Crazy For You” da Raia Produções como Swing, Musical “Mamonas” da Miniatura 9 Produções como a personagem Mônica, Ensemble e Dance Captain e atualmente do Musical “Cantando na Chuva” da Raia Produções e IMM Esportes e Entretenimento, um dos maiores sucessos da Broadway.

Zahra Saidi
Professora e Dançarina graduada em Jazz e 19 anos de carreira em Dança Oriental (Dança do Ventre e Folclore Árabe), com Curso de fisiologia voltada para dança. Produtora, Coreógrafa, com DRT formada por mestres árabes e com Título de aprovação da Mestra Mona El Said (Egito). Éproprietária do Studio de Danças Zahra Saidi (Santo André). Em sua carreira conquistou títulos importantes e workshop internacional. Em 2011 foi classificada como a quinta melhor dançarina nacional. Através de seu conhecimento da Cultura Árabe, Zahra Saidi se dedica para formar novas profissionais e se aperfeiçoa anualmente com Mestres Internacionais.

Premiação – 5 de outubro

Coreografias apresentadas partir das 16h

GÊNERO JAZZ
CATEGORIA INFANTIL II
1º Lugar – SOLO – Ioazinho – coreografia – Bem me quer
2º Lugar – SOLO – Corpo de Baile Infantil Danzaria – coreografia – Um céu, o sol e eu
3º Lugar – SOLO – Não houve premiados

1º Lugar – NÃO HOUVE PREMIADOS
2º Lugar – CONJUNTO – Corpo de Baile lnfantil Danzaria – coreografia – Alegria, alegria
3º Lugar – CONJUNTO – Ritmo Academia de Dança – coreografia – Mundo da Lua

GÊNERO JAZZ
CATEGORIA JUVENIL I

1º Lugar – SOLO – Não houve premiados
2º Lugar – SOLO – IOA Dança – coreografia – Bum
3º Lugar – SOLO – Première Núcleo de Dança – Um novo perfume

1º Lugar – DUO – Não houve premiados
2º Lugar – DUO – Não houve premiados
3º Lugar – DUO – La Bella Arte Escola de Dança – coreografia – Dualidade

1º Lugar – TRIO – Não houve premiados
2º Lugar – TRIO – Corpo de Baile Juvenil Danzaria – Marias
3º Lugar – TRIO – Não houve premiados

1º Lugar – CONJUNTO – Ioazinho – Chama a vizinhança
2º Lugar – CONJUNTO – Não houve premiados
3º Lugar – CONJUNTO – Dé Dance – coreografia – Divertidamente

Coreografias apresentadas partir das 19h30

GÊNERO JAZZ
CATEGORIA JUVENIL II

1º Lugar – SOLO – Dé Dance – coreografia – De volta para minha terra
2º Lugar – SOLO – IOA Dança – coreografia – Um novo pensamento
3º Lugar – SOLO – Instituto de Orientação Artística – coreografia – O segundo voo

1º Lugar – DUO – IOA Dança – coreografia – Sonho que se sonha junto
1º Lugar – DUO – Dé Dance – coreografia – Ao som de um bolero
2º Lugar – DUO- não houve premiados
3º Lugar – DUO- Alongue-se Academia – coreografia – Desculpas

1º Lugar – TRIO – Não houve premiados
2º Lugar – TRIO – Não houve premiados
3º Lugar – TRIO – Cia Danser – coreografia – Felizes para sempre?

1º Lugar – CONJUNTO – IOA Dança – coreografia – Tabuleiro
2º Lugar – CONJUNTO – Corpo de Baile Juvenil Danzaria – coreografia – Hemera
3º Lugar – CONJUNTO – Cia Danser – coreografia – Momentos

GÊNERO JAZZ
CATEGORIA ADULTO

1º Lugar – SOLO – Não houve premiados
2º Lugar – SOLO – Núcelo de Dança Playfit – coreografia – Amor vazio
3º Lugar – SOLO – Cia Danser – coreografia – Um lugar chamado coração

1º Lugar – DUO – Instituto de Orientação Artística – coreografia – Lençóis desfeitos
2º Lugar – DUO – Dé Dance – coreografia – Dos olhares nascem os gritos
3º Lugar – DUO – Studio de Dança Malawa – coreografia – Bem querer

1º Lugar – CONJUNTO – Não houve premiados
2º Lugar – CONJUNTO – Premiére Núcleo de Dança – coreografia – O último abraço
3º Lugar – CONJUNTO – Cia Danser – coreografia – Apokalumna

Indicados aos prêmios especiais:
Melhor bailarina – Thaíssa Santos Pinto e Luana Spíndola;
Melhor bailarino – Rafael Andrade;
Melhor coreografia – Lençóis Desfeitos e De volta para minha terra;
Melhor grupo – IOA Dança e Dé Dance;
Melhor coreógrafo – Edson Santos e Luana Spíndola;
Revelação – Isabela Pinheiro.

Jurados

Erika Novachi
É um nome reconhecido no cenário do jazz dance brasileiro. Diretora residente do Galpão 1 Academia, de Indaiatuba, transita entre os principais festivais de dança do país com destaque. É professora e coreógrafa de Lyrical Jazz desde 1995, e bailarina. Atuou em companhias como o Grupo Raça (com direção de Roseli Rodrigues) e Companhia Dançar (com direção de Rose Calheiros). Entre seus principais prêmios como coreógrafa destacam-se diversos primeiros lugares na categoria no Festival de Dança de Joinville. É frequentemente convidada para ser jurada de mostras e competições de dança. Sua companhia, Galpão 1, também já realizou diversas aberturas, como convidada, das noites do gênero jazz dance do evento Passo de Arte. Em agosto de 2009 ministrou aula de lyrical jazz, na Broadway Dance Center, em Nova York e em março de 2017, na Crossroads of Arts, em Los Angeles, Califórnia. Entre 2010 e 2014 foi professora de Lyrical Jazz, no Festival de Dança de Joinville. Em 2014 e 2015 foi jurada de Jazz no Festival de Dança de Joinville. É uma das diretoras e organizadoras do Congresso Internacional de Jazz Dance no Brasil.

Katia Barros
Renomada e presente coreógrafa e diretora de movimento no seguimento de teatro musical, professora de jazz dance há 25 anos. Atriz formada pela Escola de Teatro Célia Helena e em dança pelos mestres Roseli Rodrigues (jazz) e Marcio Rongetti (balé clássico). Como intérprete já pode ser vista em grandes montagens de musicais como “Chicago”, “Sweet Charity”, “Miss Saigon”, “Cabaret”, “A Bela e a Fera”, entre outras grande produções trazidas para o Brasil. Destaca-se atualmente em cartaz com seu trabalho coreográfico em “Cantando na chuva”, musical com Claudia Raia e Jarbas Homem de Mello, “Rent” no teatro FAAP São Paulo e suas criações mais recentes; “Divas”, “Garota de Ipanema – O amor é bossa ” no eixo Rio São Paulo em 2016. Além dos celebrados “Vingança”, “A Madrinha Embriagada” com direção de Miguel Falabella , “O Médico e o Monstro”, de Fred Hanson , “Baby – O Musical”, “O Menino Maluquinho”, “O Homem de La Mancha” – pelo qual recebeu o prêmio Bibi Ferreira de melhor coreografia. Assina a coreografia e direção de movimento do DVD “Meu Lugar”, da cantora Anitta e a coreografia do especial de Natal da Globo (2015) onde participa da equipe seleta do diretor Raoni Carneiro. Foi jurada no Festival de Joinville de 2010 e 2011 e ministra workshops de jazz dance e direção de movimento para criações de cenas musicais pelo Brasil.

Lenon Vitorino
Lenon Vitorino é artista bailarino, coreógrafo e professor de dança com especialização em jazz dance e dança contemporânea. Teve como mestres, grandes nomes do cenário nacional e internacional da dança, nas mais variadas técnicas e estilos, entre elas: jazz e suas linhas, dança moderna e contemporânea, ballet clássico, danças urbanas, alongamento e sapateado. Participou de projetos realizados por grandes instituições, tais como: Ateliê Internacional da São Paulo Cia de Dança, Congresso Internacional de Jazz Dance, Raça Centro de Artes, Raça Cia de Dança de SP, O Boticário na Dança, Urze Cia de Dança e o Passo de Arte Internacional.

Atuou como bailarino profissional, na Anderson Couto Cia de Dança e na Raça Cia de Dança de SP. Como coreógrafo, trabalhou com o Centro de Artes Pavarini, Studio Adriana Alabarce e o Grupo Raça Centro de Artes, com obras premiadas em grandes festivais nacionais e internacionais, como o Festival Internacional de Dança de Joinville, Festidança Internacional, Desterro e YAGP. Atualmente, Lenon ministra aulas e workshops de jazz e dança contemporânea em escolas e festivais de dança e é ensaiador da Raça Cia de Dança de SP.

Monique Paes
É diretora geral do Monique Paes Studio de Dança, fundada em 2008 em Jacareí. Formou-se em Educação Física. É bailarina, professora e coreógrafa (DRT de bailarina nº 46219.022775/0251). Escolheu o Jazz como sua especialidade e, por anos, vem se aprimorando em cursos com mestres na modalidade do Brasil e New York, além de aulas em outras vertentes, como Ballet Clássico, Alongamento e Flexibilidade, Música e Pilates, para ampliar seus conhecimentos.

Como coreógrafa, dirigiu quatorze espetáculos e vem sendo premiada em grandes Festivais de Dança do país, entre eles Joinville, no qual recebeu prêmios consecutivos desde sua primeira participação, em 2010. Ministrou cursos de Jazz e foi júri no Festidança, Passo de Arte, Campos do Jordão, Dança Anápolis, entre outros. Ministrou aulas no 6º Congresso Internacional de Jazz Dance (maior evento de Jazz no Brasil), em 2014, ao lado de grandes nomes do Brasil e exterior. Foi intitulada como profissional do ano Rotário, sendo referência para o município. Em 2014, foi convidada para a inauguração do Teatro de Jacareí, se apresentando juntamente com a São Paulo Cia de Dança.
Constantemente é convidada para ministrar cursos em todo Brasil e a coreografar para outras escolas de dança, eventos e shows. No ano 2015, foi convidada como coreógrafa para o 2º Ateliê Internacional da São Paulo Companhia de Dança. É fundadora do Circuito Cultural de Dança Jacareì e do Tap Day, eventos de grande porte da cidade de Jacareí – SP.

Premiação – 6 de outubro

PREMIAÇÃO – MOSTRA COMPETITIVA – DIA 06/10/2017 – 19h30

GÊNERO CONTEMPORÂNEO

CATEGORIA JUVENIL II

1º Lugar – SOLO – Dé Dance – coreografia – 52 Hertz

2º Lugar – SOLO – IOA Dança – coreografia – Em minhas mãos

3º Lugar – SOLO – Corpo de Baile Infantil Danzaria – coreografia – O silêncio dentro de mim

 

1º Lugar – DUO – Premiere Núcleo de Dança – coreografia – Conexão Intrínseca

2º Lugar – DUO- Instituo de Orientação Artística – coreografia – 0756

3º Lugar – DUO- IOA Dança – coreografia – Última chamada

 

1º Lugar – CONJUNTO – IOA Dança – coreografia – Check point

2º Lugar – CONJUNTO – Kahal – coreografia – Mistérios no circo

3º Lugar – CONJUNTO – Não houve premiados

 

GÊNERO CONTEMPORÂNEO

CATEGORIA ADULTO

1º Lugar – SOLO – Premiere Núcleo de Dança – Igual ao teu?

2º Lugar – SOLO – Dé Dance – coreografia – Vitimi

3º Lugar – SOLO – Centro de Artes Entrelacê – coreografia – Inconformidade

 

1º Lugar – DUO – Dé Dance – coreografia – Opus 3.5

2º Lugar – DUO – Núcleo de Dança Playfit – coreografia – Entre elas

3º Lugar – DUO – Dancers Escola de dança – coreografia – Te busco e te sigo

 

1º Lugar – TRIO – Não houve premiados

2º Lugar – TRIO – Dancers Escola de dança– coreografia – Em você encontro minha solidão

3º Lugar – DUO – Baillare Estúdio de Dança – coreografia – Next Door

 

1º Lugar – CONJUNTO –Kahal – coreografia – Pensar de lado

2º Lugar – CONJUNTO – Núcleo de Dança Playfit – coreografia – Des-construir

3º Lugar – CONJUNTO –  SABATUM Cia de Sapateado – coreografia – Ausência

 

Indicados aos prêmios especiais:

Melhor bailarina:

Talita Trevisan

Julia Geron

Julia Celicane Moricuni

Melhor bailarino:

Felipe Nicolau Cuqui

Daniel Roberto S. Freitas

Melhor coreografia:

Opus 3.5

52 Hertz

Conexão intrínseca

Melhor grupo:  Kahal

Melhor coreógrafo:

Lucas Martinelli

Paula Beatriz

Luana Spíndola

Henry Camargo

Revelação:

Edson Burgos

Daniel Roberto Freitas

Julia Geron

 


Publicada em 04/10/2017