Cultura Jundiaí | https://cultura.jundiai.sp.gov.br

Teatro

Dramáticas brasileiras em torno da personagem mulher
Aline Samsa

Sinopse: “Dramáticas brasileiras em torno da personagem mulher” prevê um registro audiovisual em torno da trajetória de algumas personagens da dramaturgia brasileira. Nesta obra a atriz Aline Samsa pretende investigar poeticamente onde as personagens Branca de “O Santo Inquérito” de Dias Gomes, Neusa Sueli de ” A Navalha na Carne” de Plinio Marcos, Geni de “Toda Nudez será Castigada” de Nelson Rodrigues, Joana de “A Gota d’Água” de Chico Buarque e a Mulher do Padeiro de “O Auto da Compadecida” de Ariano Suassuna se encontram enquanto figuras femininas criadas e retratadas pelo olhar de dramaturgos refletido o contexto social, político e religioso do país.

A Espera
Lucí Rose da Cunha e Francisco Alcides (atuação e criação) e Bárbara Guilherme (produção e videomaker)

Sinopse: Num quarto fechado de pensão, um ator representa a mente e uma atriz representa o corpo. O Corpo repete uma absurda rotina de limpeza, todos os dias a mesma coisa, tão incomodada com a presença da Mente que nem quer que a toque. Já a Mente, à espera duma harmonia entre eles, tenta se apaziguar declamando poesias de Camões.


As Donas da Casa
Clara Letícia Freitas Lopes

Sinopse: A história de cinco gerações de mulheres de uma mesma família, cujo infortúnio de perder um amor se repete e é relacionado a um acontecimento ocorrido em meados do século 20, e como essas mulheres mostraram-se fortes e vencedoras diante das adversidades que a vida lhes proporcionou. Uma homenagem a todas as mulheres fortes que assumiram e assumem seus lares física, financeira e emocionalmente, tornando-se assim as “donas da casa”.

Super coach digital de como reverberar o intransponível saber híbrido da arte e suas subjetividades
Ellen Karine de Souza Prestes (atriz, videomaker e produtora) e Carlos Eduardo Padovani Gouvea (ator e videomaker)

Sinopse: Surpreendida pelas mazelas da pandemia e isolada em quarentena, Mercy se vê impossibilitada de divulgar suas obras de arte. Decidida a compartilhar suas obras e seu conhecimento a respeito delas com o mundo, elabora um workshop de coach online na expectativa de conseguir milhões de seguidores assíduos. Concomitantemente ela usará todas as ferramentas de legitimação artística para direcionar seu único e fiel seguidor : Ás de Copas rumo ao reconhecimento no mercado da arte. Será Mercy capaz de divulgar suas obras e seus conhecimentos? Ela saberá utilizar o aplicativo de reuniões online? Ás de Copas alcançará um lugar ao sol no meio excêntrico da arte?

Movimentos Incessantes de uma Mente Inquieta 
Ellen Karine de Souza Prestes (atriz, videomaker e produtora) e Carlos Eduardo Padovani Gouvea (ator e videomaker)

Sinopse: Um registro em vídeo de um depoimento real do próprio ator intérprete, diagnosticado com depressão no início do isolamento social decorrente da pandemia do Covid 19. Traçando um paralelo com trechos da obra de Machado de Assis, um nome de suma importância na literatura brasileira, também diagnosticado com depressão após o falecimento de sua esposa e 4 anos antes de sua morte. A obra ora contrasta, ora converge as ideias desses dois homens acometidos por essa doença, e nos leva a refletir que a dor humana é atemporal, e que existem similaridades independente da época que estamos. As inserções de uma atriz na narrativa, sempre com trechos de Machado de Assis, sugere um amor platônico entre o artista e ela, uma relação de dependência e auto comiseração, onde essa figura assume também a personificação da depressão que assola seus dias de confinamento. O que leva o espectador a questionar se essa mulher existe ou é só fruto de uma mente depressiva e ansiosa.

Ensaio sobre as margens
Gustavo Henrique Costa (ator) e Thiago Domingues (diretor)

Sinopse: monólogo que aborda os conflitos humanos internos e externos sob a perspectiva da população de rua, contando histórias reais, tiradas dos relatos da rua; a dramaturgia propõe reflexões sociais e filosóficas sobre a vida, valores humanos e os diversos julgamentos que o ser humano faz sem conhecer a história de cada pessoa. A pergunta que permeia toda a peça é: “Qual o seu sonho?”. “Ensaio sobre as margens” é uma avaliação crítica sobre as propriedades, a qualidade e a maneira de quem vive nas ruas; deixa-se cair por terra a vitimização, o romanticismo e nos coloca no local de refletir como nós enxergamos essa população. Para alguns a rua é refúgio, para outros, fuga, para outros ainda testar o empírico. Para alguns a população de rua são vagabundos; para outros, coitados, para outros ainda, precisam de um milagre. Para nós, a população de rua são apenas seres humanos que buscamos entender, como todos os outros. Temas como a fé, a dignidade, a gratidão são subtextos nesta primeira parte trazendo a reflexão: quão diferente eu sou da pessoa que mora na rua?

Shakespeare em Solo
João Veras de Carvalho

Sinopse: monólogos dos textos teatrais Tímon de Atenas e Hamlet, de William Shakespeare. Com 15 minutos de duração, a proposta pretende reverenciar o clássico em uma forma inédita de montagem. Aliando o tradicional teatro Shakespeariano ao registro audiovisual de uma apresentação teatral, o projeto traz à tona não só a contínua relevância da obra de William Shakespeare até os dias de hoje, mas também a necessidade da reinvenção de um fazer teatral na modernidade afetada pela Covid-19

Depois da novena
Lisete Maria Pecoraro (dramaturga e atriz), Vivi Masolli (atriz), Jheniffer Escobar (Operadora de câmera e editora), Rebeca Siqueira Konopkinas (iluminadora) e Lucas Lima (ator)

Sinopse: Inspirado nos ”causos“ do cancioneiro popular, “Depois da novena” é um conto de terror leve e ingênuo, uma comédia arrepiante que pretende divertir crianças e adultos. Nessa encenação teatral apresentada em vídeo, os atores nos contam a história de Graça e Rosário, que estavam na casa de dona Bentinha fazendo novena pra encontrarem marido. Saindo da reza, a caminho de casa, elas conhecem Alfredo. Parece que Santo Antônio começou a operar seus milagres… ou não.

Performance Lar
Luiza Bittencourt

Sinopse: O termo lar é usado muito comumente pelas pessoas para descrever o local onde vivem e que está intimamente associado com uma sensação de segurança, conforto, pertencimento e calma. Mas o que acontece quando o lugar que deveria ser o seu “lar” se torna seu cativeiro, um lugar de medo, solidão e dor?

R.I.P. – Retratos e Investigações Pandêmicas
Marcelo Raulino Silva (ator), Bruna Ropelle Felippi (atriz), Julia Faria de Oliveira (atriz), Luciane Aparecida Silva (atriz), Rafael Viana Tavares (ator), Renato Augusto Lupianhi (ator), Willian Penna Cayres (ator), Aline Cristiane de Souza (direção, dramaturgia e produção), Lucas Moreira da Silva (produção e filmagem)

Sinopse: Inspirado livremente na obra literária do irlandês Samuel Beckett, um dos maiores escritores do século 20, o “R.I.P. – Reflexões e Investigações Pandêmicas” propõe sintetizar em um registro audiovisual três momentos de interação social: “Antes/Depois”, “Quadrado” e “Não eu, ele não”. São sete atores em uma jornada pelas principais questões abordadas pelo autor em suas obras, na qual as personagens trazem à cena toda a humanidade, com suas dores, perplexidades, medos e anseios, diante de um cenário insólito sem perspectivas de mudança.

Quitanda de histórias
Marcelo Raulino Silva (ator, produtor e produção), Rafael Viana Tavares (ator, adaptação do texto e produção), Kleyson Rodrigues do Prado (arte e produção) e Daniel Fernando Mateus (direção, iluminação e produção)

Sinopse: Baseado na peça “O Médico à Força” de Molière, três feirantes descobrem o universo dos livros e do teatro partindo para uma viagem única dentro de uma história centenária de um dramaturgo extremamente importante para à história do teatro. Contando com um enredo recheado de criatividade, ludicidade, comédia, farsas, palhaçaria e bonecos, essa história promete surpreender ao mesmo tempo que diverte.